fbpx

O contador como líder: um novo comportamento nas organizações emergentes

Edgard Cornacchione, PhD e professor da FEA-USP, estará na CONVECON e falará na CONVECON sobre como o líder notadamente em organizações com novos modelos de negócios. O painel acontece no dia 6 de novembro, às 15h30.

“Como sempre, pretendo provocar os participantes com questionamentos amparados pela linha de pesquisa com a qual tenho atuado, que envolve o reposicionamento da Contabilidade relativamente às rupturas socio-técnicas de longo prazo, com grande impacto nos negócios, e na capacitação profissional, tanto em ambientes universitários, quanto corporativos, incluindo efeitos de tecnologias avançadas”, diz.

Ao tratar do tema liderança e do líder é fundamental considerar que o líder precisa de liderados. Mas o professor provoca: Quem são esses liderados? De que forma constroem a confiança essencial para a relação de liderança? Além disso, para ele, outro tópico importante é a mudança de conceito de que o líder é aquele que detém o conhecimento, aquele que tudo sabe.

“O balanceamento de hard e soft skills é essencial ao se avançar na escalada da liderança. Ao líder é fundamental um certo carisma e humildade, naturalmente por tratar com pessoas, com um time. O ser humano é gregário por natureza e essa essência promove ações positivas e outras mais conflituosas, em razão de imperfeições nas práticas sociais e coletivas, tangíveis e intangíveis, concretas e abstratas, como comportamentos, autonomia, expectativas, costumes, educação, propósitos, preferências, comunicação, convencimento, regras, individualidade, limites”, explica.

Tudo isso, na visão de Cornacchione, nem sempre se apresenta de forma organizada na construção do ser Contador. Segundo ele, em geral, os profissionais vão se apropriando desses construtos ao longo de suas experiências, o que nem sempre prova ser a forma mais eficiente. E complementa: as atividades do Contador de hoje e de amanhã, certamente envolvem maior presença de temas ligados à liderança e aos aspectos de habilidades sociais (social skills), aqui brevemente descritas.

Sobre o impacto da tecnologia, “em minha visão, já largamente compartilhada com os colegas Contadores em grande número de intervenções que venho fazendo junto ao sistema CFC/CRCs pelo Brasil com a palestra “Muito além dos números” (Way Beyond Numbers®), a tecnologia ocupa papel central na Contabilidade. Neste caso, no momento atual, ainda mais crítico é tal papel uma vez que podemos testemunhar e antecipar fortes rupturas socio-técnicas que afetam frontalmente a Contabilidade e os Contadores”, aponta.

Nesta oportunidade em que se coloca o foco no líder, não é difícil notar a forte influência da tecnologia no eixo central da liderança.

Para  o especialistas, elementos como visão, estratégias, time, recursos, resultados, controle, recompensas e ajustes, todos muito caros ao Contador, são substancialmente impactados por modalidades tecnológicas e soluções que garantem um novo tabuleiro para que os negócios possam prosperar, por vezes questionando (para não dizer rompendo implacavelmente) conceitos e práticas há muito consolidados.

Um evento desta magnitude, segundo o palestrante, torna-se uma oportunidade ímpar para rever amigos e colegas, ao mesmo tempo em que se traduz em fonte para novas amizades e relacionamento.

“Além disso, pensar (coletiva e sincronamente) sobre o tema, no atual momento da Contabilidade é algo importante e muito difícil de se concretizar em uma alternativa além da CONVECON. A reunião de mentes e experiências complementares representando as várias dimensões da Ciência e da Arte da Contabilidade é única! Minha intenção é explorar isso a favor da discussão do tema e promover o fortalecimento de nossa área e profissão”, observa.

A palestra estará relacionada com Liderança (próprio título) e, em decorrência do tema, tratará de aspectos ligados à ética profissional. “Não são poucos os exemplos que diariamente circulam nos meios de comunicação de massa, no Brasil e no exterior, apontando deslizes (para dizer o mínimo) relacionados à questões éticas por conta de impropriedades de perfis ou estados de líderes. Os temas são naturalmente interconectados”, finaliza.

Cota Diamante

Cota Platina

Cota Ouro

Cota Prata

Cota Bronze

Cota Apoio

Banco Oficial

Parceiro de Mídia

REALIZAÇÃO

Organizadores

Apoio

TRANSPORTADORA OFICIAL

AGÊNCIA OFICIAL DE VIAGENS

ORGANIZAÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO

ORGANIZAÇÃO

MCI Brasil
Rua George Ohm, 230, 19ºa,
Torre A, São Paulo, Brazil
+55 11 3056 6000
atendimento@mci-group.com
www.mcibrasil.com.br